Arquivo da tag: Dicas

Qual a melhor Amazon para o colecionador de discos?

A resposta pode ser bem diferente, dependendo do caso

Os colecionadores de disco, essa espécie em extinção, principalmente no Brasil, sofrem com os lançamentos cada vez maiores e mais caros e com a dificuldade de encontrá-los por aqui. A solução é apelar para os sites de lojas no exterior ou para o Ebay/Mercado Livre.

Mas engana-se quem acha que todas as Amazon são iguais. As lojas de diferentes partes do mundo têm políticas de preços, frete e cobrança de impostos diferentes. Esse detalhes – principalmente os impostos – podem fazer toda a diferença na hora de efetuar a sua compra.

Pensando nisso, resolvemos escrever esse post, que vai dar dicas de como escolher a melhor loja para comprar o seu CD/DVD/blu-ray/livro. E, para facilitar ainda mais a sua vida, basta enviar um e-mail para blogdoferoli@gmail.com ou deixar um comentário com o título do item que você quer comprar que nós fazemos a pesquisa e enviamos o link para você, sem custos!

Brasil x exterior

Conforme falamos, nem sempre é fácil encontrar lançamentos convencionais no Brasil, muito menos as edições especiais ou limitadas. Normalmente, quando encontramos, os preços são absurdos e apostar na compra lá fora é uma opção mais que desejável.

Como não temos mais lojas como Music Boulevard ou CD Now (ambas engolidas pela Amazon) o jeito é apelar para a gigante, que tem lojas em praticamente todos os grandes mercados (EUA, Canadá e vários países da Europa, além do Brasil).

Diferença de preços

O que é de se estranhar é que uma cadeia internacional (e online) pratique preços diferentes para suas várias filiais, inclusive com promoções fixas que são exclusivas de apenas um dos países.

Portanto, não é difícil encontrar uma promoção na Amazon da Alemanha que jamais tenha existido na irmão inglesa ou francesa, por exemplo. Não há outra solução senão pesquisar!

O trabalho pode ser chato e demorado, mas vale a pena ― lembrando que nós podemos fazer esse serviço para você de graça! Normalmente a variação de preços chega acima dos 10%.

Além disso, as diferenças na política de cobrança de impostos e variedade das opções de frete podem ser decisivos entre gastar muito ou pouco.

Imposto antecipado x aposta na Receita

Talvez nem todos saibam, mas a maioria dos produtos ― incluindo CDs, DVDs e blu-ray ― estão sujeitos a uma tributação de até 60% do seu valor, caso a encomenda ultrapasse US$ 50. Isso não inclui livros, que são isentos, é bom citar. Mas, nem sempre você é taxado.A Receita Federal faz suas aferições por amostragem e, além disso, você sua encomenda pode passar pelas mãos de um fiscal bondoso.

O problema é que algumas Amazon ― principalmente a dos Estados Unidos ― adotaram uma estratégia um tanto polêmica para as encomendas feitas para serem entregues no Brasil: a cobrança antecipada dos impostos alfandegários.

Essa atitude tem duas consequências imediatas: você recebe sua encomenda mais rapidamente, já que o trâmite na Receita Federal é praticamente inexistente, e paga (bem) mais caro pelos produtos, sem a chance de contar com a sorte de não ser taxado.

Como os preços da Amazon US não são tão mais baratos assim, ela fica como opção apenas para livros ou para os itens que você queira/precise receber rapidamente. Senão, procure na inglesa primeiro.

DHL x iParcel

Um outro item muito importante na hora de fechar sua compra é o método de envio. São várias as opções, desde a entrega standard (sem número de rastreio), até o expresso (normalmente via DHL).

Porém, o melhor é ― na opinião deste colecionador ― utilizar a opção intermediária, onde você tem um número de rastreio e não passa pela DHL.

A razão? A DHL é bem mais rápida, mas costuma fazer a cobrança dos impostos de maneira compulsória (assim como a Amazon US). O envio intermediário é, na maioria das vezes, feito pelo método i-Parcel, da UPS, uma empresa mais que confiável.

Mais uma vez, a escolha é sua.

Amazon BR

A Amazon brasileira pode ser uma boa opção para quem não quer ficar procurando por vários sites, em vários idiomas. Os preços podem até ser um pouco mais altos e a variedade de produtos menor, mas ela não deve ser descartada.

Não deixe de pesquisar

A conclusão deste texto é: não deixe de pesquisar. Nem sempre o melhor preço do produto significa o menor preço final da compra.

Caso tenha interesse em comprar algo e não tenha tempo ou paciência para pesquisar, envie um e-mail para blogdoferoli@gmail.com ou deixe um comentário com o título do item que você quer comprar, que nós fazemos a pesquisa e enviamos o link para você, sem custos!

Anúncios

Saudades de Penedo

Clima frio, ar de montanha, jeitão de interior, uma ótima companhia e nada programado para fazer. É assim que dá para curtir Penedo, pequeno distrito de Itatiaia – município no Sul do Rio de Janeiro – e que é a principal colônia finlandesa no Brasil.

Cheio de pousadas e hotéis, Penedo é daqueles lugares onde pode-se descansar, comer bem, caminhar, fazer passeios pelas montanhas e cachoeiras locais, ouvir boa música, ser acordado por galos e perus ou simplesmente não fazer nada.

Férias tem dessas coisas: permite que nos programemos para o ócio. Mesmo que o local onde você está hospedado não seja grande coisa (há muitos lugares meia-boca por lá), o que não faltam são opções para diversão, momentos românticos ou apenas deixar o stress para trás.

Coma uma truta – uma dica: o restaurante Truta Viva é ótimo, barato e sua dona super simpática, além de saber preparar uma ótima caipirinha -, saboreie um fondue e beba um bom vinho. Você não vai ter que vender seu carro para pagar a conta, até porque o carro será sempre necessário, se você não estiver hospedado no Centro.

Não deixe de visitar o hotel Pequena Suécia (sim, Suécia) e o Jazz Village Bistrô – onde sempre rola um bom show aos sábados -, o já citado Truta Viva e até mesmo a (um shopping bastante simpático).

É, já tá na hora de voltar para lá e acender a lareira.