Arquivo da tag: Cotidiano

Brasileiro prefere ficar preso no trânsito a ligar para o SAC

Entre uma irritação e outra, brasileiro opta pelo trânsito parado ou por uma consulta ao dentista!

Quem já não ficou horas e se irritou tentando fazer alguma reclamação aos Serviços de Atendimento ao Cliente da vida? Nem mesmo a possibilidade de utilizar as redes sociais parece ter tirado do brasileiro o trauma do mau atendimento dos SAC.

Até mesmo ir ao dentista aparece como uma opção menos dolorida do que ligar para uma empresa e tentar ser atendido. Esses dados fazem parte de uma pesquisa ‒ nem tão recente ‒ realizada pelo grupo Opinium, em parceria com a Zendesk.

As principais reclamações é o atendimento realizado por máquinas ou chatbots, assunto que já abordamos aqui, Infelizmente, essa é uma tendência que (parece) veio para ficar.

Será que as empresas que utilizam menos tecnologia vão ter algum ganho em termos de imagem? Qual a sua opinião?

O que o brasileiro menos gosta

Falar com um SAC ‒ 35%
Ficar preso no trânsito ‒ 29%
Problemas com TI‒ 8%
Propagandas de TV‒ 5%
Ir ao dentista ‒ 5%

Anúncios

Gentileza no Trânsito III

ponte_rio_niteroiJá faz algum tempo que a expressão gentileza no trânsito ganhou um status quase de mantra e de lei. O assunto já foi abordado por mim aqui, mas a atual situação do Rio de Janeiro (um verdadeiro canteiro de obras em todas as suas regiões) faz com que eu volte ao assunto.

Caros, conforme podem ver nos meus textos anteriores (links abaixo), não sou contra a gentileza, apenas acho que precisamos deixar claro o que é gentileza. Porém, antes mesmo disso, é preciso deixar claro algumas regrinhas básicas que todos os motoristas/motoqueiros/motociclistas deviam saber.

  • Carros e motos devem seguir as regras de trânsito. Isso significa que:
    1. Todos os veículos precisam trafegar em uma faixa e não ficar ziguezagueando;
    2. Todos podem trafegar em qualquer velocidade (mesmo acima das permitidas), porém é imperativo lembrar que a faixa da esquerda é reservada apenas para ultrapassagens e veículos em alta velocidade. Portanto, se quiser andar devagar vá sempre pela pista da direita;
    3. Faixas exclusivas para ônibus, BRTs e outros existem para que sejam respeitadas. Quem trafega por elas merece ser punido/multado;
    4. É sempre prudente manter uma distância segura do veículo que vai na sua frente, porém distância segura é sempre menor do que ô tamanho de um caminhão ou ônibus.
    5. Dirigir enviando mensagens pelo smartphone não é permitido;
    6. Seta não é habeas corpus para entrar na frente de ninguém.

Posto isso, uma conclusão: gentileza no trânsito não é dar passagem para quicar em anda ziguezagueando nas vias expressas, para quem burla os engarrafamentos usando as faixas exclusivas ou acostamentos e calçadas.

Gentileza no trânsito não é ficar distraído com seu telefone enquanto o trânsito se arrasta e outros motoristas tomam a sua frente, prejudicando aqueles que vêm atrás de você. Gentileza é respeitar os que seguem as regras e que estão atrás de você sofrendo com o engarrafamento e a falta de velocidade do nosso trânsito, é não fechar cruzamentos ou avançar sinais.

Está cada vez mais difícil sentir prazer atrás de um volante.

Posts anteriores

Gentileza no Trânsito

Gentileza no Trânsito II

Reciclagem para motoristas e motociclistas