Se você não estiver disposto a ser um idiota, nada de sensacional vai acontecer na sua vida

20/10/2008 5 Por Fernando de Oliveira

Ser idiota pode parecer estupidez, mas pode ser a coisa mais inteligente que alguém pode fazer. Ser idiota é abrir o peito, largar os dogmas, as certezas, os quereres. É deixar acontecer e não pensar que pode haver um poste pelo caminho. É ter certeza de que o pára-quedas vai abrir e, mesmo que não abra, acreditar que a queda vai ser amparada por uma superfície macia.

Quem se faz de inteligente e senhor do seu castelo, cai sempre na armadilha de querer algo sensacional, desde que seja da sua maneira, o que torna tudo muito menos sensacional.

Pode ser sensacional viajar para lugares distantes, desde que se tenha coragem para enfrentar o novo, da mesma forma que se glorifica o novo que sempre esteve por perto.

Ser idiota é não crescer, falar bobagens infantis e ter sempre uma visão ingênua de tudo. É não acreditar em calotes, cretinices, covardias, egoísmos ou falta de caráter, mesmo que alguns avisem, previnam.

Só estando sem defesas para que algo maravilhoso apareça.

I’m such a good lover because I practice a lot on my own – Woody Allen