Deve-se usar escudos faciais ou óculos de proteção nos voos?

Deve-se usar escudos faciais ou óculos de proteção nos voos?

25/08/2020 0 Por Fernando de Oliveira

Ainda não voltamos a viajar de avião, mas as notícias vindas dos EUA causam alguma confusão. Afinal, como devemos entrar em um avião? Qual proteção usar?

As principais empresas estão tomando uma série de medidas para evitar o contágio do novo coronavírus, como a obrigatoriedade do uso de máscaras, o bloqueio dos assentos centrais e uma rotina de limpeza bem rígida.

Porém, com o aumento no número de passageiros, as cias. aéreas estão implementando novas precauções. A pergunta é: elas são efetivas?


 

Óculos de proteção e escudos faciais?

Alguns infectologistas americanos sugerem que o uso de óculos de proteção ou escudos faciais, em conjunto com as máscaras, pode ser uma saída para os aviões mais lotados, já que impedem a contaminação através dos olhos.

Porém, há um grupo de especialistas que acredita que esses acessórios podem ser de “alguma utilidade”, mas que eles estão longe de ser uma solução.

Mesmo assim, empresas como a Qatar Airways passaram a exigir o uso de escudos faciais aos seus passageiros. Pelo menos a empresa oferece o acessório aos clientes que não tiverem um.

BannerROTEIROS-blogdoferoli

Aproveite esta e muitas outras dicas de viagem com os nossos roteiros personalizados. Entre em contato e encomende o seu — basta clicar no banner!

Outro grupo de médicos diz que o desconforto desses acessórios versus a eficácia, não justifica a sua utilização.

Para deixar tudo ainda mais confuso, todos os especialistas em saúde dizem que a eficiência desses acessórios depende muito da qualidade do material com os quais são confeccionados.

Ou seja: ninguém chega a uma conclusão razoavelmente definitiva.

Enquanto as restrições para a entrada de brasileiros em vários países ainda estiver de pé, esse é um problema que só vai afetar os voos domésticos, normalmente com duração mais curta. Mas, assim que o mundo começar a voltar ao normal, o seu uso (ou não) será uma questão importante.

É verdade que a maneira pela qual o ar circula dentro dos aviões, a frequente renovação e o uso de filtros faz com que a transmissão de vírus e germes dentro dos aviões não seja muito comum.

O problema é mesmo manter o distanciamento social dentro de um avião.

Máscaras obrigatórias

As principais empresas aéreas dos Estados Unidos fizeram um acordo que pode impedir um passageiro de voar caso ele se recuse a usar a máscara. E esse impedimento pode ser longo ou até permanente (leia aqui).

No Brasil (como sempre) as regras são bem menos claras. Portanto, entre em contato com a empresa pela qual vai viajar (ou se informe no site dela) sobre quais políticas e normas de proteção estão sendo utilizadas.

Boa viagem e mantenha-se seguro.