Globo terá que contratar 150 jornalistas e radialistas até fevereiro de 2013

12/06/2012 0 Por Fernando de Oliveira

A Rede Globo terá que contratar 150 jornalistas e radialistas até fevereiro de 2013, informa a atual edição do Lidão, jornal produzido pelo Sindicato dos Jornalistas do Munícipio do Rio de Janeiro. Segundo a entidade, as contratações da emissora televisiva mais multa de R$ 1 milhão são o resultado do acordo da emissora com o Ministério Público, que, segundo o impresso, identificou “diversas” irregularidades trabalhistas durante investigação ocorrida ano passado.

Entrevistado pelo jornal do sindicato carioca, a procuradora Carina Bicalho, do Núcleo de Combate às Fraudes Trabalhistas, afirmou que ficou constatado que a Globo não cumpria com todos os deveres com os funcionários dos departamentos de Jornalismo e Radio e TV. “Foi constatado excesso de jornada e que este excesso é habitual, e não extraordinário”. Com a declaração da procuradora, o Lidão ressaltou que foi a terceira vez em cinco anos que o veículo de comunicação esteve envolvido com “ilegalidades” trabalhistas.

Carina também disse que para a Globo não voltar a cometer esses problemas foi acordado a contratação dos 150 profissionais – visando que assim, a empresa deixará de ter funcionários trabalhando a mais que o permitido pelas leis brasileiras. A emissora, entretanto, é quem vai decidir a divisão dos novos contratados entre jornalistas e radialistas. Conforme o acordo, 70 desses colaboradores devem ser definidos até agosto.

A Central Globo de Comunicação não comentou o assunto.

Fonte: Comunique-se