Chatbots em baixa

Grandes, como Amazon e Microsoft, estão mudando sua geração de bots de atendimento ao público

Tão irritantes quanto as ligações de telemarkting e os atendentes virtuais, utilizados por várias empresas, em especial operadoras de telefonia e TV a cabo, são os chatbots, que infestam o atendimento de sites de compras.

A ideia, que parece boa, acaba dando ao usuário uma má experiência, seja pela incapacidade do bot em entender a sua demanda ou na precisão das respostas.

Nova geração

Recentemente, Amazon e Microsoft anunciaram estar desativando uma categoria de chatbots e apostando em uma nova linha de robôs, teoricamente mais eficientes.

Segundo as primeiras informações, essa nova geração de bots deixa de tentar entender o que as pessoas estão querendo dizer e passam a dar opções do que podem fazer pelos consumidores.

No Brasil são muitas as empresas que aderiram aos chatbots e que devem estar sofrendo com o alto número de reclamações sobre eles.

Ah, muitos especialistas dizem que o problema é que o consumidor não está preparado para utilizar de forma correta essa tecnologia.

Brilhante!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.