O dia em que Paul McCartney me cumprimentou

Nem sou de comemorar muito a data de hoje (22 de abril), mas em 2012 acabei sendo agraciado com um aperto de mão do gênio Paul McCartney. Claro que, como sempre acontece comigo, não há um registro fotográfico. Estava do lado de fora do hotel onde o ex-beatle estava hospedado, aguardando alguns amigos que iriam dividir comigo um táxi para o segundo show do músico no Estádio do Arruda, no Recife.

Paul in Recife 22 de abril de 2012
A turma do aperto de mão: Solange Guerra, eu, Ana Soave, Marcelo Fróes e Flavix Lobo

Não sou chegado a ficar naquelas filas nos lobbys dos hotéis esperando o astro passar por você em um momento que muitas vezes não dura 10s. Então fiquei do lado de fora enquanto os companheiros de show não saiam do hotel. Eis que Paul sai do saguão, entra em um dos carros que faziam parte do comboio que o levaria até o local do concerto. Ele acena para alguns fãs e os carros começam a se mover. Sem nenhuma razão aparente o comboio dá uma parada, Paul abre a janela, coloca a mão para fora do carro e aperta a mão da pessoa que estava ao meu lado. Quase que instintivamente estiquei a mão e o rapaz de Liverpool também me cumprimenta com um breve aperto de mão.

Meus amigos de dentro do hotel não acreditaram, mas acabei ganhando um presente.

Nem parece que já se passaram dois anos.

PS: Vou comemorar mesmo é o aniversário da entrevista com ele em Londres! 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.