Vasco derruba escrita e consagra dois ídolos

23/02/2012 0 Por Fernando de Oliveira

O Vasco comprovou que a boa fase iniciada ano passado com a conquista da Copa do Brasil e o segundo lugar no Campeonato Brasileiro não foi um acaso. Com uma equipe longe de ser brilhante, mas muito bem treinada e com os veteranos Juninho e Felipe comandando a nau vascaína, o time bateu seu arqui rival, quebrou uma escrita de derrotas em jogos decisivos e consagrou dois novos ídolos, que já rivalizam com Dedé no coração da torcida: Felipe (o goleiro) e Deivid.

Os gritos de “é seleção” ouvidos no Engenhão precisam ser considerados pelo técnico Mano Menezes.