Boa notícia para quem gosta de cerveja: Petrópolis assume a vice-liderança do mercado

18/10/2011 0 Por Fernando de Oliveira

Pela primeira vez em oito anos, Schincariol cai para a terceira posição

Enquanto disputam na Justiça pela efetivação ou suspensão da venda do controle acionário da companhia, os sócios da Schincariol receberam uma má notícia quanto à participação de mercado da empresa na categoria de cervejas. Depois de ameaçar a vice-liderança da cervejaria de Itu ao longo do ano, a Petrópolis, pela primeira vez, aparece à frente da concorrente no levantamento de setembro da Nielsen.

A Petrópolis fechou o terceiro trimestre de 2011 com 10,3% de participação de mercado, enquanto a Schincariol tem 10%. É a mais baixa participação de mercado da Schincariol desde junho de 2003 e a primeira vez em oito anos que a empresa perde a vice-liderança do mercado.

A Ambev manteve a liderança absoluta com 69,8%. A Heineken segue estacionada com 8,5%.

A notícia repercutiu na noite de quinta-feira 13, nos sites das revistas Veja e Exame. Procurada, a Nielsen não confirmou as informações, sob a alegação de que não divulga informações relativas a market share.

A hipótese de perda de mercado como consequência de uma guerra judicial entre os sócios foi levantada em manchete da edição impressa do Meio & Mensagem, de 8 de agosto de 2011. A matéria foi publicada após o primeiro pedido de liminar (solicitado por José Augusto, Gilberto e Daniela Schincariol, acionistas minoritários da Schincariol) pela suspensão da venda de 50,45% das ações (que pertenciam aos irmãos Adriano e Alexandre Schincariol) para a japonesa Kirin ter sido acolhida pela Justiça.

Fonte: Meio & Mensagem