Cronofobia

16/05/2010 0 Por Fernando de Oliveira

Peter Pan tem adeptos. Muitos não aceitam a natureza, mesmo quando precisam usar óculos. A vida exige calma e segurança, para quem não tem mais 20 anos.

Cronofobia

Caracterizadas por sensações como ansiedade e claustrofobia, as crises de cronofobia são desencadeadas pelo medo neurótico da passagem do tempo. A inexorabilidade do tempo é encarada como grande adversária para o indivíduo cronófobo (ou cronofóbico) e a incapacidade de controlar o passar dos segundos lança-o num estado de pânico. É um tipo de neurose bastante comum entre presos, já que a reclusão faz com que contem o tempo que ainda falta serem libertos e um dos efeitos da ociosidade do encarceramento costuma ser a impressão de que tudo passa mais vagarosamente. O termoo cronofobia também está relacionado ao medo exacerbado de envelhecer.

(cro.no.fo.bi.a)

sf.

1. Psiq. Temor patológico à passagem do tempo; medo patológico de envelhecer

[F.: cron(o)- + -fobia.]