Não se pode confiar nem nos bebês e nem nas mães

08/06/2009 0 Por Fernando de Oliveira

 Poucas coisas são tão reverenciadas quanto o nascimento de um ser humano. Não gosto de sangue e não pretendo assistir a um parto (nunca), mas que emociona, emociona. Entretanto, o encanto do nascimento foi quebrado ao saber da existência de livros, filme e um movimento chamado Orgasmic Birth,  no qual mulheres dizem ter orgasmos durante o parto.

Oras, orgasmo é para acontecer em outras situações e nunca bebês deveriam estar sequer perto desta frase.

Poderia ser apenas mais uma loucura inglesa (ou americana), mas esse grupo existe até mesmo no Brasil!