Mentir é o que as pessoas dizem, não o que fazem

16/12/2008 1 Por Fernando de Oliveira

Mentira!
Que Todo Mundo Mente, já estamos carecas de saber. Pior é descobrir que há gente que justifica ou tenta minimizar as mentiras. Dizer que Mentir é o que as pessoas dizem, não o que fazem pode dar a impressão que as pessoas não vivam mentiras ou não tentem convencer os outros de que seu estilo de vida não é uma mentira.

Se tudo fosse verdade, não haveria idas e vindas, descobertas de necessidades ou mudanças de 180º. Mudar e evoluir são coisas boas, mas não conheço ninguém que passe do CA para a faculdade. Achar que atitudes e resoluções de vida não podem ser mentirosas é, no mínimo, ingênuo.

Há bons argumentos em favor das mentiras (alguns dos melhores relacionamentos são baseados nelas), mas acho que não faço parte desse grupo de pensadores. Já disse aqui (em algum texto que não vou procurar para linkar) que alguns acham que eu sempre preciso de um script e de ter tudo programado, fechado e decidido. Não é sempre assim, mas ainda acho que é melhor que pular de galho em galho – com todas as variantes que você possa pensar, e não apenas a sexual.

Ando meio de mau-humor (aguarde pesquisa sobre o assunto), mas se mentir é o que as pessoas dizem, não o que fazem, acho que o vídeo abaixo não faria sentido ou teria graça.