Omelete de Forno

10/11/2008 4 Por Fernando de Oliveira

Essa é (talvez) a segunda receita que fiz na vida, quando ainda era muito magro e inculto. Aproveitando uma fome repentina e a total falta de conhecimento técnico, fiz uma experiência que deu certo e que me acompanha onde quer que eu vá: o Suflê de Pobre ou Omelete de Forno ou Torta de Ovo. Deixei de usar o termo suflê, depois que assisti a um dos programas do Anthony Bourdain e descobri a quantidade de requisitos e o trabalho que dá fazer um verdadeiro suflê. Melhor ficar com o Omelete de Forno.

Fuçando o que tinha na cozinha e pensando em algo fácil e rápido (nem tão fácil, nem tão rápido), consegui separar os seguintes ingredientes:

3 ovos
Um pouco de fermento (de preferência Fleischmann/biológico)
Um pouco de cheiro verde
Meia cebola picadinha
2 fatias médias de queijo (de preferência minas)
Meio tablete de margarina ou uma colher de sopa
Um refratário pequeno/médio e alto
1 colher de sopa de leite

Bem, como essa é uma receita para emergências, muitas das quantidades usadas vão precisar de um pouco de bom senso, na hora do preparo.

sufleVamos lá:

Corte o cheiro verde bem picadinho, corte o queijo em cubos e bata os ovos. Após bater os ovos, como se fosse fazer um omelete, coloque em um prato, misture o leite e uma quantidade de fermento de acordo coma altura do seu refratário. Mexa suavemente e deixe descansar por mais oumenos 10 minutos. Enquanto isso, ligue o forno em temperatura baixa e unte o refratário com a margarina (usando o papel do tablete ou um pedaço de toalha de papel.

Despeje o conteúdo no refratário, coloque o queijo, a cebola, uma pitada de sal e o cheiro verde e leve ao forno.

Se tudo correr bem, o Omelete de Forno vai crescer, com o queijo derretido e a cebola e as ervas bem espalhadas por ele.

Sirva quente, acompanhado de arroz branco ou o que tiver sobrando na cozinha.

Salva vidas.

*Foto meramente ilustrativa