Ninguém muda o suficiente

05/11/2008 5 Por Fernando de Oliveira

evolutionofman

Ninguém muda o suficiente é daquelas frases repetidas com freqüência e que mostram que nem sempre o que é colocado como verdade é mesmo verdade. As pessoas mudam, sim (ponto). E mudança não significa que algo melhorou ou piorou. Significa que ficaram diferentes, o que pode tornar complicada a compreensão dessa mudança.

Filosofias a parte, resta saber também o que querem dizer com suficiente. Não sei como as pessoas já não estão de saco cheio de psicólogos de meia-tigela, programas e livros de auto-ajuda e afins.

Sei que as pessoas mudam o suficiente para darem a impressão que mudaram radicalmente. Tirando aqueles que aceitaram uma religião em seu coração, o resto são mesmo apenas mudanças cosméticas, como se trocassem a camisa, o penteado ou a cor do esmalte das unhas.

Mudanças profundas demoram anos e não é necessário apenas um sonho, acordar e dizer: ‘Vou mudar e minha vida vai melhorar‘. Mais fácil mudar de casa e criar uma roupa nova para seu personagem do dia-a-dia.

Conheço quem sente orgulho de ser o mesmo de 20 anos atrás… lamento por eles (mudar também é evoluir), assim como conheço alguns que pegam um avião, mudam de cep e se consideram diferentes… lamento por esses também, pela total falta de percapção da realidade.

O ideal é poder olhar para trás e não sentir muitos arrependimentos, ver que estava certo na maior parte do tempo e que nada será como já foi um dia (by Lulu Santos).

Mudanças podem significar novos gols, novos objetivos ou apenas novas abordagens e estratégias para alcançar esses objetivos. Muitas vezes, encarar uma situação por outro pontode vista é o suficiente para mudar uma vida. Precisa-se apenas de coragem e de uma falta de ego, incomuns na maioria dos mortais.

A vida pode mudar, as atitudes podem ser diferentes, mas sempre fica o gosto do que realmente gosatamos lá no fundo*

Mas fica a pergunta: Será que vale mesmo mudar o suficiente?

*Esta parte do texto havia sido (mal) editada e deixada de fora do original. Resolvi recolocá-la em seu lugar (6/11).