Taxa de embarque de voos internacionais ficará mais barata em 2021

Taxa de embarque de voos internacionais ficará mais barata em 2021

16/08/2020 1 Por Fernando de Oliveira

A partir de 1 de janeiro o valor cobrado por passageiro será reduzida em US$ 18. Quem embarcar de Guarulhos, por exemplo, pagaria hoje cerca de R$ 32

Teve algum problema com a sua viagem e acha que merece um ressarcimento? Clique na imagem e fale com a equipe da Resolvvi

Uma das maiores reclamações dos viajantes brasileiros (e estrangeiros) que usam os aeroportos do país é a má qualidade dos serviços oferecidos nos nossos aeroportos, ainda mais quando vemos quanto nos é cobrado de taxa de embarque.

Porém, parece que essas reclamações podem ser menores em 2021. Este mês foi promulgada uma lei (Lei 14.034/20) que permite uma redução de US$ 18 no valor cobrado por passageiro em nome da tal taxa de embarque.

Taxa de Embarque

A taxa, que foi implementada em 1999 para reduzir a dívida pública do Governo Federal e que acabou se tornando permanente e uma das maiores fontes de renda do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC), finalmente foi revista.

Infelizmente, a razão para essa redução não foi o respeito pelo passageiro ou a admissão de que o preço era alto demais pelos serviços prestados. A redução veio por conta da pandemia da COVID-19 e a necessidade de estimular as viagens aéreas.

Roteiros-campanha-instagram-1 Embarque

Aproveite esta e muitas outras dicas de viagem com os nossos roteiros personalizados. Entre em contato e encomende o seu — basta clicar no banner!

Low cost beneficiadas com taxa de embarque menor

É lógico que a mudança beneficia os passageiros, mas ela beneficia, principalmente, as empresas aéreas low cost, que poderão lucrar mais já que a demanda deve aumentar. Isso, levando em conta que os que mais sofrem com essa cobrança são os viajantes com menos poder aquisitivo.

Para se ter uma ideia do impacto dessa lei, a taxa cobrada em um voo saindo do Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, passaria dos mais de R$ 128 de hoje para algo em torno de R$ 32. Uma boa diferença.

Agora é torcer para que essa redução fique em vigor por muitos e muitos anos.