Woody Allen: Ninguém é gênio por acaso

22/09/2008 3 Por Fernando de Oliveira

Afirmação retirada de uma entrevista publicada no jornal Folha de São Paulo em 30/04/08 e roubada do blog Cadafalso, do amigo André Machado.

Sempre senti que a vida é uma confusão muito grande. Tenho uma visão sombria e pessimista da vida e da fé do homem, da condição humana. Mas acho que há alguns oásis extremamente divertidos no meio dessa miragem. Há momentos de prazer e momentos que são divertidos, mas, basicamente, a vida é trágica.